quinta-feira, 15 de maio de 2008

Deixem os pipocas em paz!


Pessoal! Acabei de ler um post em um determinado blog e fiquei profundamente irritado. Pq todo mundo defende organizadores e marcas esportivas e atacam os corredores "pipocas"? Pq não se preocupam em entender o pq esse número aumenta cada vez mais?

Vi gente dizendo que correu como pipoca mas que hoje ve a corrida de um modo superior e entende esse erro! Horas pegue suas medalhas de pipoca e jogue fora, vc não merece elas!

Quando comecei a correr, o valor médio de uma inscrição era de 20,00, e quem corria já algum tempo dizia pagar até menos. Muitos, muitos amigos que corriam hoje não estão mais participando de provas e sabe o motivo? Grana, sim porque agora as corridas são idealizadas para um público de alto nivel, elitizaram nosso esporte preferido. E ai temos que nos calar?

Se existem pipocas é pq organizadores, sites, revistas tudo que envolve esse mundo das corridas só tem pensado em lucro. Chega pessoal! Basta de hipocrisia, eu não tenho rabo preso com ninguém e posso falar sim.. não leio a revistinha (catálogo) O2 que só trata de provas elitizadas, não corro fashionrun ou tf! O problema é que estas provas estão inflacionando as outras e isso sim tem prejudicado corredores que estão abandonando o esporte.

O corredor que está preocupado com “os pipocas” deveria se preocupar mais com seus treinos, tempos amigos.. ta sobrando tempo para falar bobagem!

Só quero dizer uma coisa, não sou pró pipoca, muito pelo contrário sou a favor de condições iguais para o povo, para que todos tenham condições de participar das provas. Srs organizadores pq ao invés de entregar milhares de cortesias para sites, revistas etc, não entregam para corredores bons sem condições de participar? Eles não os interessam, não é?

Não gostou? Vai jogar Golf, tênis.. vai andar de kart, mas deixe o povão curtir a corrida de RUA!!!

8 comentários:

Marcio the best disse...

Grande Presidente!apoio em genero,numero e grau mas o fato é esse que em uma SS um amigo nosso da play foi arrastado por um staff por não estar com um numero, ou seja, não estar de acordo com a organização, mas pergunto: será que vale a pena vc correr em uma prova de (pipoca) e não receber uma medalha como mérito, eu mesmo parei de correr em provas por causa disso (Inscrições Altas) (Valores Absurdos), portanto prefiro treinar com meus amigos e não mais fazer aquilo que mais gosto que é participar de provas, mesmo porque um dia posso ser chamado a atenção como vi alguns staffs fazendo para alguns atletas por não estarem de acordo com a organização do evento, ao meu ver, deveriam era baixar os preços das inscrições que assim o retorno em contingente seria bem maior, para não dizer o dobro.Mas como sempre, vai da consciencia de cada um né !!
Abraços e tenho dito.
Márcio (Aposentado)

Ricardo Aloise disse...

Pois é Márcio, assim como você muita gente boa esta de fora. Corri poucas provas como pipoca, A Pampulha foi uma, e não tenho como me arrepender, afinal tentei e muito me inscerver.

Fico pensando.. se quando corro com alguém pela primeira vez apenas para incentivar essa pessoa sou um intruso tbm. hi devo ser pipoqueiro.

Fabiana disse...

Ricardo,estou no mundo da corrida a "6 meses"pois foi quando comecei a participar das corridas de rua.
Minha Primeira corrida foi Nike 10 amei e daquele dia em diante vi que a corrida faria parte da minha vida!
Mas concordo com você que as inscrições esta caro pois virou um esporte de ELITE...a corrida hoje virou moda...hoje desfilar com uma camiseta de uma ou outra corrida e muito comum.Confesso pra você que exibo com muito orgulho...pois hoje sou uma nova pessoa,Graças a este esporte.
Mas como já ouvi alguns corredores falando, que usam a estrutura da corrida para acompanhar e incentivar outros corredores e até mesmo pra usar como treino.
Acho que eu não correria como pipoca...mas não condeno quem faz ou já fez.

Abraços,
Fabiana

fuse disse...

Fala Ricardo......

Cara muito legal este seu tópico, vou responder como Organizador e agora corredor, pois depois de anos estou voltando as corridas, e a próxima será a Super 40.

Como Organizador:

Hj o monopólio esta grande, as provas em SP, geralmente são acima dos R$: 60,00. Claro que existe algumas exceções como as provas da JJS e da Yescom e Corpore, mas o porque disso, pelo fato destas empresas terem ótimos patrocinadores e parceiros, mas ai vc me responde a JJS está cada vez melhor e a Yescom cada vez pior, eu responde a Yescom tem uma Globo por trás dela que arrecada a verba e repassa, e eles com bons '' funcionários que são'' respeitam os patrões e que se danem os corredores, mas queira ou não o povo reclama, mas no final vai.

A JJS eu conheço pessoalmente o Zé João, um cara que ama corridas e que quer que o esporte cresça, queira ou não, ele tem um baita de um nome e isso ajuda e muito na hora dos patrocínios.

Corpore, sem comentários é a mãe de todas.

Já a nossa SportsFuse, estamos no mercado a 4 anos e com muita luta, fizemos coisas show de bola como o Circuito Viva Com Vida - Rede Mulher de Televisão/Record - Circuito Fila, entre outras provas.

Não vou dizer a vc que não errei em algumas provas, sim erramos e sempre queremos que nas próximas provas o erro seja arrumado e que erros sejam quase que zero. Na minha opinião acho que um inscrição a R$: 30,00 até R$: 40,00 está de bom tamanho, vou ser sincero, não gosto dos pipocas, mas entendo, acho que em provas como Reebok, Circuito das Estações e outras com valor elevado até vale ser um pipoca, pois com o preço que está o custo beneficio não compensa, como organizador, sei muito bem quanto custa realizar uma prova, e tb sei quanto custa um Kit pós provas, e em muitas vezes os R$: 60 - R$ 75 - R$: 90, que vc paga em nada se transformar em um bom kit. Exemplo Circuito Reebok, Camiseta e Kit antes da prova show, mas no final foi péssimo pelo preço que cada um pagou.

Mas acho sacanagem, um pipoca no Circuito Osasco, este circuito que estamos lutando a um ano e meio, e que a cada etapa estamos melhorando aos poucos, pois como pegamos um Circuito do zero é complicado vc ter patrocinadores e parceiros bacanas, veja na ultima etapa, tivemos recorde de publico, um kit que é show, camiseta colorida de Dry, medalha com design show de bola, frutas, barras de cereal, torrone, um isotônico de 750 ml, para uma prova de R$: 30,00, o porque nós conseguimos isso, pelo fato de estarmos sempre buscando parcerias, como a PlayTeam é nossa parceira e em cada etapa estamos lutando para fazer algo novo. Por este motivo acho sacanagem ter os pipocas, um detalhe é que o Circuito Osasco está crescendo e junto com isso estaremos modificando nossa arena para atender melhor os nossos participantes.

E vc me conhece estou sempre na busca de novos parceiros e novidades para o Circuito e para o Kit do Atleta, com este que nós entregamos eu ainda não estou satisfeito e estou na luta por mais novidades.

Além disso estamos voltando com o Circuito Viva Com Vida, uma prova noturna em Jundiaí que nos abriu espaço e estaremos fazendo um evento em homenagem aos pais, por uma inscrição a R$: 40,00.

Bom fico por aqui, pois escrevi demais. Show o seu blog.

E-CORREDOR disse...

Ricardo, li seu artigo e achei interessante. Respeito todo o tipo de opinião, principalmente daqueles que têm o que dizer.

Também não tenho rabo preso com ninguém e não defendo nenhum interesse que não o meu.

Portanto posso falar com tranquilidade que também acho a maioria das provas caríssimas, mas algumas são tão bem organizadas que o valor não paga nem a qualidade das camisas, por exemplo a Adidas, ou a Super40, etc.

Não posso concordar que o consumismo elitize um esporte tão básico como as corridas, inclusive concordo que todos têm o mesmo direito e não recrimino os pipocas.

Só acho que o povo brasileiro, em sua maioria (sem polemizar ou generalizar), não sabre aproveitar as oportunidades com respeito, se colocando cada um no seu lugar e acabam atrapalhando aqueles que querem participar e investiram para ter o nível de serviço, água, kits, medalhas, camisas, etc, satisfatórios.

Mudando o foco mas veja por exemplo a questão do transporte de bikes na Europa. Em Paris, Amsterdam e tantos outros lugares há inúmeros bicicletários públicos, onde se pega uma bike aqui e a devolve em qualquer outro lugar, pagando uma taxa fixa ou até mensal.

Isso funcionaria no Brasil? Creio que não, não temos muita maturidade para manter o respeito às coisas dos outros, públicas ou particulares.

Mas enfim, ótimo post para discussão.

O importante é correr de qualquer jeito, mas MANTENDO O RESPEITO SEMPRE.

Um abraço,

Paulo Massa.
http://www.e-corredor.com.br

Um abraço,

Thiago Rolemberg disse...

É isso aí presa, carca a boca nos cara e defenda nossa categoria!!!
A corrida de rua está virando corporativa, especulação, já já vai ter até empresas de corrida com capital aberto na Bolsa de Valores!!!
Pra variar, as coisas vão virando modinha e sempre apareçem os espertos querendo lucrar a todo custo, prejudicando a tradição, o espetáculo e até a qualidade dos eventos. Aliás, o que mais vejo nessas provas é a infinidade de folders, propagandas, garrafinhas, adesivos, quinquilharias de todas as formas que são distribuídas antes e após as provas. Está cada vez mais apelativo e isso me faz perder o tesão de continuar participando.
Só para encerrar, vai mais uma crítica à Yescom/ Rede Globo que alteraram o percurso, já complicado, da Maratona de SP, só para fazer os atletas cruzarem a horrenda ponte estaiada da marginal Pinheiros, cujo vultuoso investimento só permite a passagem de veículos de pequeno porte. Se a idéia surgiu da travessia da ponte, na maratona de NY, temos que admitir que foi péssima.

Wilson TK disse...

Ótimo post.

Atualmente estou correndo pouco por motivo de saúde, mas já estava me afastando das provas por causa do preço.

Hoje em dia em SP as mais democráticas são as corridas do SESC, da PENHA e algumas da JJS. Corpore está virando comercial. Que saudades por exemplo do CLube Espéria, do Paineiras e da 1/2 maratona nde Campinas. Época que as competições tinham uma bandeira, não apenas o nome do patrocinador.

Como pipoca participei da SS entre 2003 e 2009, dado p alto custo dessa festa.

Wilson
forjasefatos.blogspot.com

Flavio Garcia Praciano disse...

Mandou muito bem, quem tiver a fim de correr na pipoca e por sua conta, até aonde eu sei, os espaços aonde essas empresas realizam seus eventos são publicos. então elas não podem proibir ninguém. Valeu.